TJAM divulga resultado final das provas objetivas de concurso público e convoca candidatos com deficiência para avaliação biopsicossocial

Candidatos cujos nomes figuram entre os classificados no certame e que se declararam com deficiência deverão realizar procedimento de avaliação biopsicossocial nos dias 24 de novembro e 1º de dezembro.


Concurso prova2O Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) e o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) divulgaram o resultado final das provas objetivas para o concurso público para cargos de Assistente e Analista Judiciário na Justiça Estadual e convocaram os candidatos classificados que se declaram com deficiência para realização de procedimentos de avaliação biopsicossocial.

As informações foram disponibilizadas nesta terça-feira (12) no Diário da Justiça Eletrônico (DJE), que pode ser acessado emwww.tjam.jusb.br e também no portal do Cebraspe (www.cebraspe.org.br).

Com provas realizadas no último 13 de outubro em Manaus e nos municípios de Parintins e Tabatinga, o concurso público para o provimento de cargos no Tribunal de Justiça do Amazonas prevê 140 vagas para o cargo de Assistente Judiciário (Nível Médio) e de 20 vagas para o cargo de Analista Judiciário (Nível Superior).

De acordo com o documento divulgado nesta terça-feira (12), os candidatos classificados e que se declaram com deficiência deverão, a partir do dia 19 de novembro, acessar o endereço eletrônico https://www.cebraspe.org.br/concursos/tj_am_19_servidor para saber o local e horário de sua avaliação biopsicossocial, que será realizada nos dias 24 de novembro e 1º de dezembro.

Os candidatos que se declaram com deficiência deverão comparecer para a avaliação biopsicossocial munidos de documento de identidade original e de laudo médico (original ou cópia autenticada em cartório) emitido nos últimos 12 meses que antecederam a referida avaliação. O laudo médico deverá atestar a espécie e o grau ou nível de deficiência com expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doenças (CID-10) conforme especificado no Decreto Federal nº 3.298/1999 e suas alterações, bem como a provável causa da deficiência.

Conforme a Comissão do Concurso de Servidores do TJAM, os candidatos deverão comparecer com uma hora de antecedência do horário marcado para o início de sua avaliação e informou que não haverá segunda chamada para a realização da avaliação psicossocial e o não comparecimento implicará na perda do direito às vagas reservadas para candidato com deficiência. A Comissão reiterou, ainda, que, conforme edital, não será realizada a referida avaliação, em hipótese alguma, fora do espaço físico, da data e dos horários predeterminados.

O resultado provisório da avaliação biopsicossocial será divulgado na data provável de 11 de dezembro de 2019 no Diário da Justiça Eletrônico e no portal do Cebraspe na internet.

Resultado final das provas objetivas

De acordo com o documento divulgado nesta terça-feira (12), após o período estipulado para recursos, TJAM e Cebraspe tornaram público o resultado final das provas objetivas do certame. Na listagem, os candidatos classificados podem ter acesso à sua pontuação final na prova, que consiste na somatória de pontos obtidos na prova de conhecimentos gerais e conhecimentos específicos.

Assinado pelo presidente da Comissão do Concurso de Servidores do TJAM, desembargador Ari Jorge Moutinho da Costa, o documento informa que as justificativas de alteração/anulação de gabaritos oficiais preliminares das provas objetivas estarão à disposição dos candidatos a partir da data provável de 19 de novembro no portal do Cebraspe na internet.

 

 

Afonso Júnior
Foto: Raphael Alves / Arquivo TJAM

DIVISÃO DE DIVULGAÇÃO E IMPRENSA
Telefones | (92) 2129-6771 / 99485-8526
E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.