TJAM, INDT e Fundação Paulo Feitoza discutem fortalecimento de parcerias na área de Tecnologia da Informação

Nesta segunda-feira (9), o presidente do TJAM recebeu a visita do presidente das duas instituições, Geraldo Feitoza.


FeitozaO presidente do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM), desembargador, Yedo Simões, reuniu-se nesta segunda-feira (9) com o presidente da Fundação Paulo Feitoza (FPF Tech) e do Instituto de Desenvolvimento Tecnológico (INDT), Geraldo Feitoza. O encontro foi no gabinete da Presidência do TJAM, na Sede do Tribunal no Aleixo. Entre os assuntos foram tratados o trabalho em parceria no campo da tecnologia da informação (TI), tendo como investimento recursos provenientes das empresas do Polo Industrial de Manaus.

 

“Temos vários projetos em andamento, a exemplo do monitoramento com reconhecimento facial que deve ser disponibilizado em unidades da Justiça Estadual e poder contar com a parceria de instituições, como a Fundação Paulo Feitoza e o INDT, realmente será de grande valia para o Tribunal de Justiça do Amazonas. Espero anunciar, em breve, projetos que melhorem, ainda mais, a prestação jurisdicional com a parceria dessas duas instituições”, destacou o presidente Yedo Simões.

O INDT é um instituto de ciência e tecnologia que atua na pesquisa e desenvolvimento de novos conceitos, produtos, serviços e soluções tecnológicas inovadoras e promove a geração de novos negócios. Já a FPF Tech é um instituto de ciência e tecnologia, sem fins lucrativos, focado na pesquisa e desenvolvimento de serviços, soluções inovadoras e casos de sucesso nos núcleos estratégicos de capacitação tecnológica; design digital e usabilidade; dispositivos móveis; pesquisa e inovação tecnológica; saúde e medicina do trabalho; sistemas eletrônicos, soluções industriais; tecnologias assistivas; verificação e validação.

“A Fundação Paulo Feitoza, o INDT e o Tribunal de Justiça já realizaram trabalhos em parceria anteriormente, e nosso papel aqui, hoje, é discutir como dar continuidade a esse trabalho, que tem gerado bons frutos. Vamos levantar as demandas mais urgentes e continuar esse belo trabalho que o desembargador Yedo Simões está fazendo à frente do Tribunal de Justiça do Amazonas”, disse o presidente Geraldo Feitoza.

Em abril deste ano, o superintendente da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), Alfredo Menezes, parabenizou as iniciativas do Tribunal de Justiça do Amazonas e do Governo do Estado, bem como das empresas e dos institutos tecnológicos envolvidos, e fez questão de ressaltar a importância dos recursos para o desenvolvimento de novas tecnologias – as chamadas verbas P&D – em prol do desenvolvimento da Região. Somente neste ano, haverá recursos da ordem R$ 1,2 bilhão em verbas de P&D para serem investidas em projetos diversos.

 

 

Fábio Melo
Fotos: Raphael Alves
Revisão de texto: Joyce Tino

DIVISÃO DE DIVULGAÇÃO E IMPRENSA
Telefones | (92) 2129-6771 / 99485-8526
E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.