Desembargadora Nélia Caminha anuncia suas principais metas à frente do Judiciário Estadual, com destaque à busca, pelo TJAM, do inédito “Selo Diamante” no Prêmio CNJ de Qualidade

Presidente do TJAM conduz reunião administrativa 04 de janeiro de 2023

Em sua primeira reunião com secretários e diretores, presidente do TJAM informou que a busca incessante pela excelência na prestação jurisdicional, a transparência e a eficiência administrativa serão metas da atual gestão.


 

Em sua primeira reunião com secretários e diretores dos setores administrativos do Tribunal de Justiça do Amazonas, a presidente da Corte, desembargadora Nélia Caminha, recém-empossada ao cargo, anunciou que uma das principais metas da nova administração será levar o Poder Judiciário Estadual à conquista do, até então, inédito “Selo Diamante” no Prêmio CNJ de Qualidade.

Criado no ano de 2019 em substituição ao “Selo Justiça em Números”, o Prêmio CNJ de Qualidade evidencia os tribunais brasileiros com os melhores patamares de qualidade a partir da avaliação desses em diversos quesitos, dentre os quais: “políticas judiciárias”; “eficiência”; “gestão” e “organização de dados”. Neste Prêmio, os tribunais podem vir a ser congratulados pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) com os selos “Prata”, “Ouro”, “Diamante” e “Excelência”.

A concessão do “Selo Diamante” ao Tribunal de Justiça do Amazonas ainda é fato inédito. Conforme os recentes retrospectos, o Judiciário Estadual conquistou em 2020 o “Selo Ouro”, em 2021 o “Selo Prata” e em 2022, novamente, o “Selo Ouro”.

Ao reunir-se com os dirigentes dos setores administrativos do TJAM, a presidente da Corte, desembargadora Nélia Caminha, informou que a atual administração do Tribunal terá entre suas principais metas a busca pela qualidade. “Assumimos a presidência do Tribunal de Justiça do Amazonas nesta semana e em nossa primeira reunião com a equipe que estará à frente de nossos setores administrativos compartilhamos nossas metas principais e entre elas, estão: a busca incessante pela excelência na prestação jurisdicional, a transparência e a eficiência administrativa. Com tais perspectivas fizemos questão de nos reunir com parte de nossa equipe de trabalho com o intuito de mobilizá-los para esse fim, que esperamos que seja alcançado e posteriormente evidenciado com a concessão do ‘Selo Diamante’ pelo CNJ”, afirmou a presidente da Corte.

Realizada no Centro Administrativo Des. José de Jesus Ferreira Lopes (prédio anexo à Sede do TJAM, no bairro Aleixo), a reunião administrativa conduzida pela desembargadora Nélia Caminha teve a participação dos juízes auxiliares da presidência do TJAM, Elza Vitória de Mello, Vanessa Leite Mota e Igor Campagnoli; do secretário-geral de Administração da Corte, Chrystiano Lima e Silva e dos demais secretários e diretores do segmento administrativo do Tribunal de Justiça.

 

#PraTodosVerem - Na foto que ilustra a matéria, a presidente do TJAM, desembargadora Nélia Caminha Jorge, conduz reunião administrativa com servidores e magistrados da Corte. Na imagem, os participantes da reunião aparecem sentados, ao redor de uma mesa, no auditório do Centro Administrativo Des. José de Jesus Ferreira Lopes.

 

 

Afonso Júnior

Foto: Marcus Phillipe.

Revisão Gramatical: Joyce Tino.

 

ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO SOCIAL.

E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

(92) 2129-6771 / 993160660.

2022 - Mapa do Site
Save
Cookies user prefences
We use cookies to ensure you to get the best experience on our website. If you decline the use of cookies, this website may not function as expected.
Accept all
Decline all
Analytics
Tools used to analyze the data to measure the effectiveness of a website and to understand how it works.
Google Analytics
Accept
Decline