Em Urucará, graduandos de Direito colaboram com a Semana Nacional da Conciliação

Urucará0Urucara01Urucara03Comarca de Urucará pautou 155 audiências para o período de 4 a 8 de novembro e cujos trabalhos ocorrem com a colaboração da Uninorte, Defensoria Pública, Prefeitura e Câmara Municipal de Urucará


A Vara Única da Comarca de Urucará pautou 155 audiências para a “Semana Nacional da Conciliação”, que é promovida nos dias 4 a 8 de novembro em todo o território nacional. No município (distante 260 quilômetros de Manaus) os trabalhos estão sendo dirigidos pelo juiz de Direito James Oliveira dos Santos e ocorrem com a colaboração do Núcleo de Práticas Jurídicas (NPJ) da Uninorte, que designou 13 graduandos de Direito para auxiliar os trabalhos; da Defensoria Pública Estadual (DPE-AM), além da Prefeitura e Câmara Municipal de Urucará.

Iniciada na última segunda-feira (4) a “Semana Nacional da Conciliação” está chegando à sua 14.ª edição é uma iniciativa suscitada pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) em parceria com Tribunais de todo o país.

Na Comarca de Urucará, as 155 audiências de conciliação abrangem processos dos segmentos Cível; de Família; da Infância e Juventude Cível e de competência dos Juizados Especiais Cíveis. As sessões, desde a última segunda-feira (4), ocorrem na Câmara Municipal do Município, nos períodos das 8h às 12h e das 14h às 18h.

De acordo com o juiz James Oliveira dos Santos, a programação de audiências busca dar celeridade às demandas da população local e, consequentemente, dar cumprimento à Meta 3 do CNJ. “Foi um trabalho preparado com bastante antecedência e com o apoio da comunidade acadêmica, da Defensoria Pública e de outros órgãos da esfera pública, estamos intensificando o atendimento jurisdicional aos cidadãos”, apontou o magistrado.

O coordenador do Núcleo de Práticas Jurídicas da Uninorte, William dos Santos Torres, comentou que essa é a segunda vez que os universitários da instituição colaboram com a Comarca de Urucará. “É uma experiência muito válida, trouxemos nossos alunos para que eles atuassem como conciliadores e, ao mesmo tempo, para que pudessem satisfazer a pretensão dos jurisdicionados e de suas demandas processuais. Tal participação tem como um dos objetivos contribuir com a formação acadêmica dos graduandos, levando-os a exercer o papel de conciliadores e, efetivamente, levar justiça ao interior do Amazonas”.

Contribuindo, também, com os trabalhos da comarca, o defensor público Bruno Fioring comentou que a “Semana Nacional da Conciliação” é estratégica por impulsionar o fluxo processual. “A Semana da Conciliação possui uma importância extremamente alta, tendo em vista o excesso de litígio em todos as comarcas. Assim sendo, em regime de mutirão, ela impulsiona o atendimento dos servidores da Justiça e beneficia toda a sociedade”, disse.

No Amazonas, a “XIV Semana Nacional de Conciliação” tem aproximadamente 10 mil audiências pautadas para o período de 4 a 8 de novembro, abrangendo demandas de Juizados Especiais Cíveis e Criminais; Varas Cíveis, Varas de Família; Varas da Fazenda Pública envolvendo, ainda, demandas de Polos Avançados de Núcleos de Família, do Centro Judiciário de Solução de Conflitos (Cejusc) e de outras unidades do Poder Judiciário.

 

Yanna Andrade
Revisão: Joyce Tino
Fotos: Divulgação Comarca de Urucará

 

DIVISÃO DE DIVULGAÇÃO E IMPRENSA
Telefones | (92) 2129-6771 / 99485-8526
E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.