18/05 - Dia Nacional de Enfrentamento ao Abuso e a Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes

FaçaBonito_Capa.png


 

Por que 18 de Maio?

Em 18 de maio de 1973, na cidade de Vitória (ES), um crime bárbaro ficou conhecido como o “Caso Araceli”.Esse era o nome de uma menina de apenas 8 anos de idade, que teve seus direitos humanos violados, foi raptada, estuprada e morta por jovens de classe média alta daquela cidade.O crime, apesar de sua natureza hedionda, até hoje está impune.

O movimento em defesa dos direitos de crianças e adolescentes, após uma forte mobilização, conquistou a aprovação da Lei Federal 9.970/2000 que institulu o 18 de maio como o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual contra Criança e Adolescente, com o objetivo de mobilizar a sociedade brasileira e convocá-la para O engajamento pelos direitos de crianças e adolescentes e na luta pelo fim da violência sexual.

A violência sexual na sociedade

Os casos de violência contra crianças e adolescentes tomam conta, a cada dia por mais tempo, dos noticiários, sendo inclusive gatilhos para muitas pessoas que passaram por situações similares. E para pensar o enfrentamento a esse tipo de violação é necessário trabalhar principalmente em duas frentes: a prevenção e a resposta às situações de violência.

Os dados oficiais apontam que menos de 10% dos casos de violência sexual chegam a política pública, e quando chegam recebem uma resposta ineficaz. Há demora na responsabilização do agressor, que em média dura 2 anos, e em alguns casos pode chegar a 10 anos. Também há dificuldade no acesso ao acompanhamento psicológico e psiquiátrico pelas vítimas.

 

O que é a violência sexual?

É uma violação dos direitos sexuais, abusa e/ ou explora do corpo e da sexualidade, seja pela força ou outra forma de coerção. Pode ser:

  • Intrafamiliar: Relação de parentesco entre vítima e agressor;
  • Extrafamiliar: Não há relação de convivência familiar;

Abuso Sexual

Utilização do corpo de uma criança e adolescente, por um adulto ou adolescente, para a prática de qualquer ato de natureza sexual

Exploração sexual

Utilização de crianças e adolescentes com a intenção de lucro ou troca, seja de qualquer outra espécie (prostituição, pornografia, trafico e turismo com moticação sexual);

 

Como podemos ajudar na prevenção?

A família é muito importante nesse processo de proteção e educação, por isso, esteja atento aos sinais, não compactue com a impunidade, dentro de casa é o princiapal ambiente para combater a violência sexual contra crianças e adolescentes. 

#SouFamíliaNãoAbroMãoTambémSouProteção

Dialogue com respeito e empatia

  • Coloque-se no lugar da criança ou adolescentes, leve em conta suas características, como idade, seu meio, traço de personalidade, o que gosta ou não gosta;
  • Fale de maneira direta;
  • Não duvide de sua palavra;

Observe o comportamento

  • A criança passa a apresentar atitudes que não faziam parte do seu cotidiano;
  • Alterações na rotina;
  • Desenhos estranhos
  • Comportamentos sexuais;
  • Agressividade;
  • Aversão a algumas pessoas ou Proximidade excessiva
  • Regressão;
  • Problemas de saúde física sem motivo;
  • Sinais físicos de violação;

Eduque a criança e/ou adolescente desde cedo dos riscos que ela corre!

  • Saiba sempre onde eles estão, com quem e o que estão fazendo;
  • Ensine-os a não aceitar convites, dinheiro, comida e favores de estranhos, especialmente em troca de carinho;
  • Sempre os acompanhe em consultas médicas;
  • Conheça seus amigos, principalmente os mais velhos;
  • Supervisione o uso da internet;
  • Ensine que ninguém deve tocar em seu corpo
  • Oriente seus filhos a não responderem desconhecidos, muito menos enviarem fotos ou fornecerem dados;

 

Direitos sexuais, são direitos humanos!

A educação sexual é fundamental para garantir o desenvolvimento saudável de crianças e adolescentes, livre de preconceitos, tabus e da própria violência!!

#FaçaBonito Proteja nossas crianças e adolescentes da violência sexual

Se você tiver conhecimento, suspeita ou presenciar qualquer violação de direitos de crianças e adolescentes, DENUNCIE!!!

 

DENUNCIE

  • Disque 100 ou disque denúncia local;
  • Conselho tutelar;
  • Polícia Civil e delegacias especializadas
  • Polícia Militar e Polícia Rodoviária Federal
  • E para crimes na internet: news.safernet.org.br/denuncie

 

Os materias da campanha estão disponíveis no site: https://www.facabonito.org/

tjam brasao grande

Poder Judiciário
TRIBUNAL DE JUSTIÇA
DO ESTADO DO AMAZONAS

coij logo

COORDENADORIA DA
INFÂNCIA E JUVENTUDE

  • COIJ – Fórum Cível Desembargadora Euza Maria Naice de Vasconcellos.
  • Rua Valério Botelho de Andrade, s/nº. Térreo A. Bairro São Francisco. Manaus-AM. CEP: 69079-260
  • E-mail: coordenadoria.infancia@tjam.jus.br
  • Telefone: (92) 3303-5267 - WhatsApp
  • Instagram: coordenadoria.infancia.am

Calendário da Infância e Juventude

Julho 2024
D S
1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30 31
Save
Cookies user preferences
We use cookies to ensure you to get the best experience on our website. If you decline the use of cookies, this website may not function as expected.
Accept all
Decline all
Publicidade
Youtube
Accept
Decline
Analítico
Google Analytics
Accept
Decline