Carregando
Principal Sala de Imprensa Comitê Estadual da Mulher em Situação de Risco do TJAM discute ações com representantes da Semed

Comitê Estadual da Mulher em Situação de Risco do TJAM discute ações com representantes da Semed

A reunião discutiu estratégias para fortalecer o trabalho de conscientização visando o combate da violência contra a mulher dentro e fora das salas de aula


Semed_1O reforço de ações que visem o combate à violência doméstica e familiar contra a mulher foi o principal tema do encontro entre representantes do Comitê Estadual da Mulher em Situação de Risco do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) e da Secretaria Municipal de Educação (Semed), na última quinta-feira (9), na sede do órgão do Município. A reunião discutiu ações estratégicas para fortalecer o trabalho de conscientização dentro e fora das salas de aula, com a possibilidade de apoio de outros órgãos governamentais.Semed_2

Na oportunidade, a coordenadora estadual do comitê, desembargadora Carla Reis, entregou à subsecretária de Gestão Educacional da Semed, Euzeni Araújo Trajano, 130 cartazes elaborados pela Corte amazonense que têm o objetivo de divulgar o Espaço Maria da Penha, página linkada ao portal do TJAM – acessado por meio do endereço www.tjam.jus.br. Nesse espaço, o cidadão tem à disposição informações como legislação, a quem a vítima pode recorrer em caso de violência, os tipos de violência, onde funcionam os Juizados “Maria da Penha” em Manaus e os projetos que executam, as campanhas realizadas, telefones úteis e espaço cultural.Semed_3

Os cartazes, que trazem a campanha “A violência contra a mulher machuca toda a família”, serão distribuídos entre as escolas municipais a fim de despertar entre os estudantes o interesse pelo tema. De acordo com a subsecretária, a Semed, a rede municipal de ensino de Manaus conta com 242 mil alunos, sendo a 3ª maior rede de escolas municipais de todo o País, perdendo apenas para as capitais Rio de Janeiro e São Paulo.

 

Reunião

 

A coordenadora do Comitê Estadual da Mulher em Situação de Risco do TJAM, desembargadora Carla Reis, disse que o intuito do encontro foi estreitar laços com a Semed para que os professores da rede municipal possam promover atividades com os estudantes que discutam a Lei Maria da Penha. "Precisamos nos unir a outros segmentos para fortalecer esse trabalho de combate à violência doméstica e familiar contra a mulher. Ninguém faz nada sozinho e para termos resultados importantes, precisamos contar com apoio de todos", enfatizou.Semed_4

Também participaram da reunião a juíza coordenadora dos Juizados Maria da Penha, Elza Vitória de Mello, e várias professoras. No encontro foi mencionado que a Semed constantemente trabalha com essa temática nas escolas. Em agosto deste ano, o 1º Concurso de Redação com o tema "Violência Contra a Mulher", em comemoração ao aniversário da Lei Maria da Penha, teve a Escola Municipal Aristófanes Bezerra, no bairro Cidade de Deus, zona Leste, como vencedora.

"A educação é a base da formação da sociedade, então desenvolver ações com relação à violência contra a mulher desde a infância é importante para que tenhamos resultados futuros melhores na nossa sociedade. Essa parceria com o Tribunal se revela de uma grande contribuição social, no sentido de trabalhar a prevenção da violência contra a mulher. É fundamental que outros órgãos participem dessa caminhada para fortalecer as ações que já vem sendo desenvolvidas", afirmou a subsecretária.

 

Veja o vídeo da reunião

 

Uma das ideias que surgiu durante a reunião foi de convocar representantes de diversos órgãos governamentais, além de entidades e instituições ligadas à questão da prevenção e combate à violência contra a mulher, para desenvolver um plano de trabalho integrado a ser desenvolvido em 2018, com ações pontuais com a finalidade de reforçar uma maior conscientização sobre a legislação e os efeitos da violência sobre toda a família.


Página Maria da Penha


A página “Maria da Penha”, que desde o último mês de setembro passou a integrar o conteúdo do Portal do Tribunal de Justiça do Amazonas na internet, ganhou uma campanha de divulgação, por meio de cartazes, que vem sendo apresentada junto a várias instituições.

Com o slogan “A Violência Contra a Mulher Machuca Toda a Família”, a campanha tem o objetivo de motivar a população a conhecer o conteúdo da nova página, criada para funcionar como mais um canal de orientações sobre a Lei 11.340/2006 – a chamada 'Lei Maria da Penha', que estabeleceu mecanismos para coibir a violência doméstica e familiar contra a mulher –, além de disponibilizar informações sobre a rede de proteção que atende a estes casos.

 

Acesse aqui a Página Maria da Penha!

 

Texto: Vanessa Brito e Acyane do Valle

Edição do vídeo: Vanessa Brito

Fotos: Raphael Alves

DIVISÃO DE DIVULGAÇÃO E IMPRENSA
Telefones | TJAM: (92) 2129-6771 / 6831
Telefones | Corregedoria: (92) 2129-6672
Telefones | Fórum Henoch Reis: (92) 3303-5209

E-mail Imprimir PDF http://www.tjam.jus.br/index.php?option=com_content&view=article&id=9886:comite-estadual-da-mulher-em-situacao-de-risco-do-tjam-discute-acoes-com-representantes-da-semed&catid=33:ct-destaque-noticias&Itemid=1331

 


appbtn-app-storebtn-google-play


 

Mais Notícias

Comunicados