Carregando
Principal Sala de Imprensa Inscrições para programa experimental de teletrabalho seguem até o dia 21

Inscrições para programa experimental de teletrabalho seguem até o dia 21

Nesta quarta-feira (9), secretário-geral de Justiça da Corte Estadual, Fernando Todeschini detalhou para servidores as especificidades do edital lançado no último dia 4.


36294560422_189e38e355_zO Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) segue, até o dia 21 deste mês, com inscrições abertas para o programa de Teletrabalho. Difundido pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), regionalmente, a iniciativa da Corte Estadual será desenvolvida em caráter experimental no período de 11 de setembro e 11 de dezembro, envolvendo dez servidores da atividade fim (1º e 2º Graus) da Justiça Estadual, que podem solicitar suas inscrições encaminhando e-mail para o endereço eletrônico: Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. .

Nesta quarta-feira (9), o secretário-geral de Justiça da Corte Estadual, Fernando Todeschini, detalhou para servidores do TJAM a finalidade do programa e as especificidades de seu edital que está disponível para visualização nas páginas 8 e 9 do Diário da Justiça Eletrônico (do dia 4 de agosto de 2017) e que pode ser acessado no portal do tribunal: www.tjam.jus.br.

36294560672_833594f470_z-1A reunião com um grupo de aproximadamente 20 servidores de áreas administrativas da Corte foi realizada na sala “Dr. Ernesto Roessing”, no Centro Administrativo José de Jesus Ferreira Lopes, em prédio anexo à sede do TJAM, no Aleixo.

Fernando Todeschini, na oportunidade, ressaltou que, no âmbito do Judiciário, o Teletrabalho é um programa nacional, disseminado pelo CNJ e que já vem sendo aplicado por algumas Cortes Estaduais de Justiça. “Dentre as quais a do Estado de Santa Catarina, onde, recentemente, tivemos a oportunidade de conhecer in loco as ações desenvolvidas e contar com a colaboração de gestores do programa que estiveram em Manaus nos dias 27 e 28 de julho ministrando uma oficina técnica para nossos servidores”, informou.

Produtividade e qualidade de vida

Explanando sobre a finalidade do programa experimental, seus objetivos e pretensões, o secretário-geral de Justiça ressaltou que os dez servidores selecionados para a etapa experimental da iniciativa poderão desenvolver suas atividades em suas próprias residências sendo acompanhados, a distância,
por uma equipe multidisciplinar que zelará pela aplicação criteriosa do que consta na redação do edital do programa. “Há de se destacar que os servidores que se inscreverem e que forem selecionados, deverão, no decorrer do programa, ter produtividade acima da média de sua equipe de trabalho; apresentar relatório acerca das atividades desenvolvidas e estar disponível para comunicação com seus gestores”, disse Fernando Todeschini.

O secretário-geral de Justiça mencionou que o servidor que pleiteia a participação no programa deverá ter a sua disposição, em sua residência, uma estrutura tecnológica com computador e itens tecnológicos complementares citados no edital e deverá participar de uma capacitação com data ainda a ser anunciada pela Escola de Aperfeiçoamento do Servidor (EASTJAM).

Fernando Todeschini evidenciou os objetivos pretendidos pelo TJAM com o programa e afirmou que a iniciativa é uma tendência mundial. “O teletrabalho, comprovadamente, gera benefícios ao meio ambiente – reduzindo o fluxo de veículos e consequentemente a diminuição da emissão de poluentes –, reduz o consumo de água, energia elétrica, papel e outros bens e serviços e colabora significativamente com a qualidade de vida dos servidores, reduzindo seus gastos com deslocamento e outros necessários no ofício trabalhista presencial”, apontou.

Participação

Conforme o secretário-geral de Justiça do TJAM, na fase experimental, o programa teletrabalho será desenvolvido especificamente na Comarca de Manaus e selecionará dez servidores, sendo cinco servidores do 1º grau e cinco do 2º grau (lotados em gabinetes de desembargadores). A seleção é aberta para servidores efetivos ou comissionados (que já tenham cumprido 365 dias de atuação no Poder Judiciário Estadual).

Não poderão se inscrever, servidores que estiverem ocupando cargo ou exercer função de direção ou chefia; que integrarem grupo de trabalho ou comissão; que tenham sofrido penalidade disciplinar nos dois anos imediatamente anteriores à data da inscrição; que apresentem contraindicações por motivo de saúde, constatadas em perícia médica; e que foram contratados em caráter temporário e transitório.


Afonso Júnior
Foto: Raphael Alves

DIVISÃO DE DIVULGAÇÃO E IMPRENSA
Telefones | TJAM: (92) 2129-6771 / 6831
Telefones | Corregedoria: (92) 2129-6672
Telefones | Fórum Henoch Reis: (92) 3303-5209

E-mail Imprimir PDF http://www.tjam.jus.br/index.php?option=com_content&view=article&id=9533:inscricoes-para-programa-experimental-de-teletrabalho-seguem-ate-o-dia-21&catid=33:ct-destaque-noticias&Itemid=1331

 


appbtn-app-storebtn-google-play


 

Mais Notícias

Comunicados